21
Mar

Dia Internacional da Síndrome de Down

Postado por alexandre, às 8:49h

Hoje é o Dia Internacional da Síndrome de Down. Faço um convite para que conheçam um pouco mais do que se trata e enxergar de uma forma natural uma pessoa com esta diferença e que necessita apenas de uma atenção especial.

“O Dia Internacional da Síndrome de Down foi proposto pela Down Syndrome International como o dia 21 de Março, porque esta data se escreve como 21/3 (ou 3-21), o que faz alusão à trissomia do 21. A primeira comemoração da data foi em 2006.” (Wikipedia)

“É preciso olhar para as pessoas além da Síndrome de Down, pois as características individuais são inerentes a todos os seres humanos, da sua educação e do meio em que vivem.”

A notícia de que uma criança nasceu com síndrome de Down normalmente causa enorme choque nos pais e na família. Todos precisam de tempo para aceitá-la do jeito que é, e adaptar-se às suas necessidades especiais;

Segundo Drauzio Varela, “a estimulação precoce desde o nascimento é a forma mais eficaz de promover o desenvolvimento dos potenciais da criança com síndrome de Down.  Empenhe-se nessa tarefa, mas procure levar a vida normalmente. Como todas as outras, essa criança precisa fundamentalmente de carinho, alimentação adequada, cuidados com a saúde e um ambiente acolhedor”

É importante que traga esta criança ao convívio escolar, prática de esportes, onde possam desenvolver suas potencialidades, respeitando os limites que a síndrome impõe, e interagir com os colegas e professores. Em certos casos, porém, o melhor é frequentar escolas especializadas, que lhes proporcionem outro tipo de acompanhamento.

A ignorância potencializa o preconceito e a discriminação. Estes são os piores inimigos dos portadores da síndrome. O fato de apresentarem características físicas típicas e algum comprometimento intelectual não significa que tenham menos direitos e necessidades.

“Durante muito tempo a pessoa com Síndrome de Down foi olhada como se fosse doente ou, ainda, como se fosse uma eterna criança, levando a relações sociais que dificultavam – ou até impediam – que se desenvolvesse dentro de suas potencialidades.”

Hoje vemos instituições e trabalhos fantásticos sendo realizados que permitem o acompanhamento de crianças com esta Síndrome crescerem de forma saudável, se desenvolvendo, trabalhando e inserindo-se mais tanquilamente a sociedade.

Precisamos evoluir ainda mais, conhecendo, divulgando, quebrando as barreiras da ignorância. Não só aos com Sindrome de Down, mas outras condições que tornam certas pessoas com necessidade de maior atenção e cuidados.

Para conhecer mais: http://www.fsdown.org.br/

Deixe seu comentário
Tags:
Nenhum comentário
Copyright © 2012 TocaDoNerd.com.br - Blog Nerd